Tag Archives: cultura

Cultura não faz mal

25 jun

Eu confesso que é bem difícil estabelecer qualquer tipo de conversa com alguém que não possui o mínimo de conhecimento sobre o mundo. Não é necessário a pessoa ter viajado mas, o conhecimento da história indica que ela procurou estudar e descobrir o que aconteceu com a humanidade.

Pessoas fúteis e que só se importam com os acontecimentos recentes são vazias e desprovidas de assuntos. Não olham além dos seus umbigos e se resumem a dez minutos de conversa. E só!

Lembro a todo instante para que minhas filhas se atualizem e conheçam um pouco de tudo. É preciso conhecer todos os estilos musicais, principalmente o clássico para não ficarem resumidas ao sertanejo e funk. É preciso ter atenção às aulas de história para não ficarem estagnadas com a política atual. É preciso conhecerem os estilos literários, arquitetônicos e artístico para saberem identificar um artista de verdade.

Enfim, é preciso estudar para poderem falar de assuntos diversos sem meterem os pés pelas mãos e pagarem “micos” com pessoas mais cultas.

Bjs

Nanda

#nandabahia #nandabahia74 #nandabahia.com #cultura

Descaso pela cultura

17 set

Quem está acostumado a viajar para-o exterior sabe o quanto a cultura e a preservação histórica é importante para um país. Enquanto isso, tudo acontece de maneira bem diferente no nosso país. Aqui, não se valoriza o nosso passado e, consequentemente, o aprendizado das nossas crianças fica comprometido.

O incêndio ocorrido no Museu Nacional no Rio de Janeiro mostra o descaso dos nossos governantes à nossa cultura. Verbas desviadas, falta de interesse pela preservação de documentos históricos e pelo patrimônio público são as características principais das últimas gestões.

Quando visito um museu no exterior vejo tanta coisa exposta e valorizada sem um décimo da importância do acervo que temos ou tínhamos no Brasil. Tudo muito bem exposto, identificado e protegido. Não deixo de visitar museus pois acredito que o nosso conhecimento de hoje vem das realizações dos nossos antepassados.

Tenho medo ainda do que possa acontecer com a nossa Pinacoteca e o Museu do Ipiranga, em São Paulo. São lugares que muitos sequer ouviram falar e não sabem da importância do acervo que temos. Esse último encontra-se fechado para visitação por falta de condições. Imagine só… Um lugar tão lindo e tão rico! Quem conhece o Palácio de Queluz, em Lisboa, vai identificar as semelhanças entre eles.

O fato é que enquanto o Brasil não priorizar a educação, a história e a segurança do nosso país, não caminharemos para a frente. Até a saúde melhora quando temos educação e conhecimento sem demandar tantos novos investimentos.

Mais uma grande perda para a nossa história…

Bjs

Nanda

A terra do tio Sam

21 jun


Há os que amam… Há, também, os que odeiam… Mas, não podemos deixar de concordar que é uma terra de muita prosperidade, onde as coisas acontecem.

Tudo lá, (ou melhor, aqui!) acontece de forma mais tranquila. As leis são rígidas e não existe o “jeitinho” brasileiro para resolver de outra forma que não seja obedecendo os seus princípios. 

Por outro lado, as coisas são feitas para facilitar a vida das pessoas. Se a mão de obra é cara e, por isso, temos que nos virar, a praticidade de tudo foi pensada para ajudar. A comida já vem pronta, as embalagens são fáceis de abrir e fechar, os produtos de limpeza são práticos e eficazes, os eletrodomésticos são muito eficientes.

Ah! O transporte público, se comparado ao nosso, no Brasil, é um sonho! Poder ir de um lugar a outro em questão de minutos sem o sentimento de sardinha em lata.

Há os que critiquem, que falem mal, que sequer queiram conhecer mas, bato palmas para essa terra de gente criativa, inovadora e adestrada. Agora, se me perguntarem se eu quero mudar… Não, muito obrigada! Sou feliz no meu país tropical!

Bjs

Nanda 

Seleção musical

13 jun


Ouvir o repertório musical selecionado por uma adolescente é uma experiência única. Poderia até mesmo dizer: inesquecível!

Vez ou outra eu me divirto com minhas filhas escutando as aberrações que elas insistem em chamar de música. São letras medonhas que não falam nada que possa contribuir para uma boa educação. Sao letras com apelo sexual, desvalorizando a mulher e a nossa sociedade.

Falar em mexer a bunda, “bunda la bunda, mexe a bundinha”, ou em remexer, “ela kika, ela para, rebola, ela trava, ela abre, ela fecha na ponta ela kika ” são poemas para essa turma jovem. A cada vez que ouço, sobe um arrepio e me questiono aonde vamos parar. 

É por esse motivo que faço questão de apresentar a boa música às minhas filhas para que elas possam conhecer o que é uma boa música de verdade. Ouvimos de tudo um pouco, dançamos juntas, interpretamos as letras e avaliamos a qualidade de cada canção. É sempre bom poder conhecer um pouco da diversidade musical e cultural e identificar o que é bom do resto.

Bjs

Nanda 

A falta de uma boa educação 

27 maio


A educação de uma criança não se limita somente ao aprendizado das matérias escolares,cujo conteúdo é aprovado pelo Ministério da Educação. Os pais são responsáveis pelo seu desenvolvimento, pela formação do caráter, pelo comportamento na sociedade e pelo aprimoramento dos seus gostos.

Vejo muitas crianças e adolescentes por aí, educados exclusivamente pelas escolas, sem nenhum tipo de orientação quanto ao que é certo ou errado, ético ou não ético, as informações sobre cultura e história são muito pobres e os meninos crescem sem visitar sequer um museu. 

Se falarmos em música, então… A coisa fica muito pior! O gosto deles já é, praticamente uma tragédia grega!!!!! Sem orientação, então, vão crescer ao som dos pagodes, funks e axés. Sem incentivo dos pais, eles nunca terão a chance de gostar de musica clássica ou ópera, o que é uma grande perda no seu nível cultural.

Enfim, vejo muita pobreza de conhecimento, mesmo em famílias abastadas, o que prova que ser culto não depende exclusivamente de dinheiro.

Bjs

Nanda 

Filmes para assistir

13 jan

  Sempre penso na boa educação que preciso dar às minhas filhas. E não falo somente de boa escola, esportes e curso de inglês. Acredito que preparar uma pessoa para o mundo é muito mais que isso. É necessário criar uma visão de mundo, fornecer informações e impressões para que ela possa ter as suas próprias opiniões. 

Viajar é a melhor opção para que elas possam conhecer um pouco das culturas e da história do mundo. Porém, como o dólar está tão alto, filmes, livros e música ajudam a formar e educar uma pessoa. 

Dessa forma, listei alguns filmes que quero assistir com as minhas pequenas pois, os considero clássicos de suas épocas e, por isso, transmitem mensagens e ensinamentos muito importantes.

1. E o vento levou

2. A noviça rebelde 

3. Tempos modernos de Charles Chaplin

4. A lagoa azul 

5. Ben hur 

6. Covadis 

7. Cantando na chuva

8. Era uma vez no oeste

9. Sete noivas para sete irmãos 

10. Mary poppins 

11. Forest Gump

12. Embalos de sábado à noite

13. Titanic 

14. Footlose 

15. Flashdance

16. Dirty dance

17. O grande ditador – Charles Chaplin

18. O garoto – Charles Chaplin

19. Luzes da cidade – Charles Chaplin

20. O vagabundo – Charles Chaplin

21. Luzes da ribalta – Charles Chaplin

22. O circo – Charles Chaplin

23. O meninão – Jerry Lewis 

24. O biruta e o folgado – Jerry Lewis 

25. Bonequinha de luxo

26. Casablanca

27. A felicidade não se compra

Vocês concordam?

Bjs

Nanda 

Colocando a leitura em dia

12 jan

  
Uma das coisas que mais me dá prazer é a leitura. Gosto de ler os mais variados tipos de livros, desde biografias, romances, histórias reais e até ficção. Até livros de autoajuda me fazem refletir sobre como posso ser uma pessoa melhor.

Desde pequena tinha muito orgulho em dizer ao mundo que adorava ler Machado de Assis e Jorge Amado. E nunca compreendi porque a maioria das pessoas não gosta de ler. 

É uma pena que não tenho mais tempo para ler tudo o que gostaria. Sempre estou acompanhada de uma fila de livros em stand-by. Tudo bem que na era da informática os livros deixaram de ocupar espaço e são arquivados na nuvem ou dentro de um simples iPad. 

O que eu sei é que vou aproveitar essas férias para colocar a leitura em dia. E já comecei!!!

Bjs

Nanda 

Conhecimento das artes

15 set

  
Não me canso de aprender. Fico boquiaberta quando vejo obras de arte, esculturas e pinturas de tempos tão remotos. Me interesso em saber de tudo sobre a época e o artista.

A cada visita em um museu me delicio com o banho de cultura. Não consigo eleger qual o melhor de todos mas, os top five com certeza são: Louvre, em Paris, Metropolitan, em Nyc, Museu Britânico em Londres, National Gallery em Washington e o D’Orsay, em Paris.

Neles, podemos conhecer um pouco da história da humanidade, das civilizações, das guerras, dos costumes e de quanto a nossa vida é efêmera nessa Terra. Vejo pinturas lindíssimas e fico imaginando a tristeza de Van Gogh, quando em vida, por ter vendido um único quadro, apenas. Hoje, eles são disputados por milhões.

Não entendo como podem existir pessoas que não têm paciência para uma visita a um museu ou não se interessam por aprender um pouquinho mais sobre a história dos povos,
Bjs
Nanda 

Banho de cultura

6 nov

imageVivemos em um país menino com apenas 514 anos de idade. Toda a nossa cultura e história ainda é muito recente e viva em nossa memória. Somente quando conhecemos o velho mundo é que nós damos conta do tanto de história que existe antes de nós.

Visitar Igrejas e Mosteiros com mais de mil anos é algo fascinante para mim. Como engenheira fico me perguntando como conseguiam construir aquelas maravilhas sem os recursos tecnológicos que temos hoje.

Conhecer a história de reis e rainhas, seus túmulos e como a vida acontecia naqueles tempos também é uma experiência enriquecedora. Ver de perto os objetos utilizados, roupas da época e ouvir histórias de amor e guerra me enchem de orgulho. Sou louca para aprender mais e mais sobre o costume de todas as civilizações.

Acho que todo mundo precisa de um banho de cultura assim.

Bjs

Nanda

O que fazer em uma viagem?

5 nov

imageQuando resolvemos viajar é sempre bom estudar um pouco sobre a história do mesmo para que possamos absorver a cultura do local durante a viagem. Estudar o mapa e listar os principais pontos turísticos a serem visitados é uma das primeiras coisas a serem feitas. Só então, partimos para a definição do roteiro diário em função da proximidade dos locais e do tempo de duração de cada visita.

Costumo visitar sites e blogs de viajantes para ler opiniões e evitar cometer os mesmos erros de alguns. Procuro saber sobre o tempo local e a possibilidade de chuvas ou qualquer outro fator que possa atrapalhar os planos da viagem. Seleciono os restaurantes e espetáculos mais indicados e faço uma lista de tudo o que eu gostaria de fazer e conhecer no lugar.image

Então, divido as atividades definindo o roteiro de cada dia. É claro que, também estudo o mapa do metrô e os horários de pico no trânsito para evitar perder tempo errando as rotas ou presa em engarrafamento. E lá, durante o passeio, procuro relaxar e seguir aquilo que foi planejado para tentar conhecer o máximo da cidade em questão.

Bjs

Nanda

%d blogueiros gostam disto: