Tag Archives: família

Displicência em casa

7 nov
Estou cansada de ouvir: “mãe, cadê minha bolsa?”, “cadê as chaves do meu carro?”, “cadê a minha pesquisa que eu deixei aqui?”
O fato é que ninguém consegue encontrar nada. Por mais que a casa seja bem organizada, com tudo nos seus devidos lugares, as pessoas não conseguem achar os seus próprios pertences.
Geralmente isso acontece porque elas não se acostumam a colocar tudo nos lugares corretos. Se todos os dias as chaves fossem colocadas no mesmo lugar não haveria problemas para lembrar onde elas estão. Não acham?
Ou seja, tenho que sair passando o pente fino pela casa, colocando tudo nos lugares antes que os gritos de procura se iniciem!
Bjs
Nanda

Intolerância na política 

6 nov
Intolerância é a palavra-chave do momento. Seja ela racial, religiosa, sexual ou política, não importa…. 
Nesses tempos de eleições o que mais vi foi a intolerância política. Eleitores de todos os lados que não aceitavam ouvir as propostas e opiniões divergentes das suas. Como pode ser?
Isso acontecia inclusive dentro da família. Mães e filhos com opiniões diferentes e não se entendiam. Cada um falava ao vento pois não havia o interesse em escutar o que o outro dizia. Como pode ser?
Será que queremos um mundo diferente? Será que temos objetivos distintos? Ou apenas vemos um meio diferente para um fim comum?
Rezo por mais tolerância e por mais paz!
Bjs
Nanda

Dia dos pais

10 ago

Dizem por aí que os filhos se aproximam mais das suas mães e que as filhas são grudadas com os seus pais mas, eu não consigo tirar uma conclusão sobre o assunto.

Vejo minhas filhas tão grudadas comigo quanto são com o papai. Sou bem próxima da minha mãe e do meu pai. Não vejo grande diferença. Acho que cada um tem o seu lugar no coração e papel na educação.

Todo pai é único e insubstituível. O dia dos pais chega para homenagear aquele que deve estar presente em todos os mais importantes momentos da vida de uma criança. E não só da criança, mas do adolescente e do adulto, também, assim como eu.

Quero desejar um Feliz dia dos Pais a todos os maravilhosos papais desse mundo, especialmente ao meu papai querido do coração e a meu marido, um pai exemplar.

Bjs

Nanda

Comeu eu e Raimundo, comeu todo mundo

17 jul

Nem Jesus Cristo agradou a todos. Quando vivemos em comunidade fica difícil atender a todas as solicitações e agradar todos os gostos. Não é possível que uma só pessoa consiga essa grande realização.

Em uma família a dificuldade é a mesma. Nenhuma mãe consegue agradar todos os filhos. Na verdade, não consegue nem agradar integralmente ao marido.

Cada um tem seu próprio gosto e preferências. A hora do almoço é considerada como um teste de sobrevivência. Um gosta de macarrão ao dente, o outro de macarrão mais mole, um gosta de carne mal passada, o outro de carne extra bem passada.

Não existe um único cardápio que agrade a todos. Ou seja, não há santo que resolva a situação. Por isso, repito comigo: “Comeu eu e Raimundo, comeu todo mundo!

Bjs

Nanda

Laços entre irmãos

6 jun

Irmãos são sempre irmãos. Não se consegue explicar a força da ligação que existe entre eles. Se cuidam, se amam e brigam, também.

Desde pequenos aprendem que é preciso dividir tudo. Lembro que dividia os chocolates, biscoitos e refrigerantes. A ordem era clara e tudo tinha que ser dividido de forma igual.

É claro que, muitas vezes, a paz não reinava e as diferenças sobressaíam. O pau comigo e um sempre acabava chorando. Minha mãe resolvia e fazia o outro chorar também.

Lembro que as brigas aconteciam até quando já éramos adultos. Eu, com mais de 23 anos de idade e ainda não levava desaforo para casa. Eram tapas e arranhões para todos os lados.

Mas, o fato é que na hora do aperto, um cuida do outro. O amor fala mais alto e o cuidado se sobrepõe a qualquer diferença. Ai de alguém que ouse mexer com meu irmão. Viro onça!

Bjs

Nanda

Teimosia de adolescentes

22 fev

Dizem que a adolescência é a fase mais difícil da vida. E não é que é verdade?!

É uma fase complicada pois nada satisfaz aos jovens. Nunca fazemos o bastante, não atendemos suas expectativas e não recebemos nenhum retorno sobre aquilo que conseguimos realizar.

Eles estão eternamente mal humorados, com respostas na ponta da língua e com a cara mais que emburrada. Se escutam um não, o mundo desaba. Murmúrios de lamentações serão escutados por um longo tempo.

Mas, o pior mesmo é a teimosia. Basta falarmos que é “A” para eles acharem que é “B”. Se dizemos não, estamos alimentando mais ainda a vontade de fazer. Se pedimos com jeitinho, somos totalmente ignorados. Essa teimosia e rebeldia me deixa profundamente irritada.

Até as obrigações com a família são esquecidas. Os favores para os pais só são realizados após muitas brigas e, nunca de bom grado.

Ô fase difícil, viu?!

Bjs

Nanda

Micos de viagem

21 fev

Quem não tem histórias de viagens para contar que levante a mão…

Acho que eu poderia mesmo escrever um livro sobre este tema. Foram inúmeros “micos” e situações engraçadas que poderíamos rir de cada uma delas.

Já me esborrachei no meio de arbustos espinhentos em pleno Animal Kingdom; já peguei mais de uma hora de fila para tirar foto com o Pluto, achando que era fila para um brinquedo no meio de Epcot Center; já me perdi e me achei trezentas milhões de vezes na era dos mapas em papel.

Também já vi filha minha tropeçar nos próprios pés no meio do Hollywood Studios; já tive que aguentar vômito de sobrinha em pleno voo de avião; vômito de filha em milhares de viagens de carro e até mesmo, uma filha, já grande, fazendo cocô dentro do carro em movimento.

O que seria de nossas vidas sem as histórias vividas, as lembranças guardadas e as risadas das situações constrangedoras que já passamos?

Bjs

Nanda

%d blogueiros gostam disto: