Tag Archives: filhos

E quando os filhos crescem?!

11 fev

O que mais vejo por aí são mães sofrendo por seus filhos estarem crescendo e se tornando independentes. Esse momento de transição não é bem aceito pela grande maioria das genitoras.

Ouço muito dizerem que o meu filho não tem maturidade para isso ou para aquilo mas, se eles não forem induzidos a terem responsabilidade e aprenderem a gerenciar suas atividades não desenvolverão a maturidade de forma alguma.

A maioria dos “teens” continua sendo tratada como crianças pequenas e sem capacidade de gestão de suas atribuições.

Eu sou uma mãe mais moderna e encaro a realidade de frente. Delego responsabilidades, cobro atividades e não fico fazendo conferência daquilo que é obrigação diária delas. Conferir agenda, mochila, tarefa de casa feita não é comigo. Nem tomo conhecimento. Quero saber das notas e se tiver anotações de tarefas não cumpridas, posso garantir que o chão vai tremer.

Bjs

Nanda

Pais corujas

3 dez
O que mais vejo por aí são “pais corujas”! Daqueles que paparicam suas crias todo o tempo. Que controlam todos os passos dos seus filhotes e, não deixam que eles vivam por si próprios.
Muitos consideram seus filhos os melhores do mundo. São seres super perfeitos, os mais bonitos, os mais inteligentes, os mais educados, os mais mais em tudo.
Não abrem seus olhos para nenhum dos defeitos que eles possam ter. Seus filhos nunca cometem erros, não falham, não cometem deslizes…
Difícil conversar com alguém assim…
Bjs
Nanda

Mil atividades 

27 nov
Quando o final do ano vai chegando eu costumo enlouquecer. São tantas atividades que, nem acredito como dou conta.
Cada uma das meninas segue uma agenda repleta de compromissos, digna de qualquer executivo de multinacional. Sofrem muita pressão para atender a todas as expectativas e cumprir os objetivos.
Tudo começa pelas provas de fim de ano, depois, as provas do exames internacionais de inglês (Cambridge e Toefl), ensaios para os festivais de jazz e de balé, ensaios para a peça de teatro e até ensaios de canto para o sarau. Tudo isso só para a caçula! E se eu deixasse, ela queria mais…
Nem vou falar de mim que tenho que deixar tudo pronto para o Natal e para o verão. É verdade, dizem que “rapadura é doce mas não é mole”, não!
Bjs
Nanda

O que não fazemos pelos filhos?

1 out

Dizem que ser mãe é padecer no paraíso. E eu concordo plenamente.

Depois que os filhos nascem nós, mães, ficamos mais cautelosas e sentimentais. Queremos proteger as crias de qualquer forma. E, principalmente, queremos atender a todos os seus desejos.

Eu mesma me derreto toda e acabo me virando pelo avesso para realizar os sonhos das minhas filhas. É claro que tudo dentro do possível pois elas também precisam saber que nem tudo é possível.

Quem nunca pagou o mundo para trocar a passagem e chegar a tempo de ver a apresentação na escola da filha? Ou quem nunca passou mais de dez horas em um show de sertanejo, acompanhando a filha e as amigas?

Sei que essa fase vai passar. E elas vão crescer. E eu vou lembrar de tudo daqui a uns anos. Então, vou me esforçando para ver o sorriso delas enquanto eu posso.

Bjs

Nanda

Administrando a agenda dos filhos

27 ago

Tenho uma enorme saudade da minha época de executiva, quando saía do trabalho deixando a lista dos meus afazeres para o dia seguinte organizada na agenda. Tudo era bem previsto e organizado por prioridade.

Hoje, posso dizer que minha vida é muito mais atarefada e corrida do que antes. Nem todos aqueles problemas empresariais me tiravam do sério como o estresse de lidar com as vontades das filhas.

São tantos os compromissos e surgem repentinamente que, sequer tenho a oportunidade de me organizar. Tudo é agora, nessa hora, imediatamente, que chego a ficar sem ar.

Mas, no fundo, acabo dando conta, tirando de letra e me superando na missão de super mãe, ou de Mulher Maravilha, como sou bem conhecida por aí.

Bjs

Nanda

Filhos dos outros

22 jun

Se já é uma responsabilidade enorme tomarmos conta dos nossos filhos, imagine só, quando estamos cuidando dos filhos de outras pessoas.

Adoro estar com minhas filhas e suas amigas. Faço questão de conhecê-las e conviver com a maioria delas. Faço gosto em carregá-las comigo para diversos lugares, inclusive em viagens. Tudo pela felicidade das minhas pequenas.

Dessa vez, levo algumas meninas comigo para uma viagem dos sonhos junto com minha família. Serão dias de felicidades e comemoração dos quinze anos de minha Bia. Agradeço a confiança das mães de todas elas pois, sei que não é fácil confiar assim seus maiores tesouros a alguém.

Muita organização, roteiro preparado, seguro de viagem contratado, documentação checada, conversa com as mães e regras e combinados previamente acertados.

E lá vamos nós!!!!!

Bjs

Nanda

Atividades extra curriculares

29 maio

Sempre gostei das atividades extra curriculares da escola. Bastava falar em gincana, olimpíadas, teatro, feira de conhecimentos, festivais de música e qualquer coisa que saísse da rotina que eu já estava incluída.

Hoje, eu vejo minhas filhas seguindo muitos dos meus passos. Gostam de se movimentarem, de participarem das atividades e de exercerem grandes papéis de liderança.

Uma delas é líder de gincana, já foi grande nadadora, não deixa de estar em uma chapa de grêmio, canta, toca e até líder de classe, é. A outra, bem inclinada ao ramo datas artes, toca, canta com uma afinação de dar inveja a muitas pessoas, dança e atua no palco como uma profissional.

Esse mês, tive que desenvolver a minha paciência. Tempo de gincana e a mãe se transforma em uma “mãetorista” levando a filhota para os milhões de ensaios e compromissos. Não reclamo. Curto cada momento dessas atividades e incentivo as meninas a participarem de todas.

Bjs

Nanda

%d blogueiros gostam disto: