Ressaca do carnaval

14 fev

Não estive presente, não vi, não brinquei. E confesso que este foi o primeiro ano que não fiquei saudosa. A minha querida Ivete não participou então, resolvi imitá-la.

Mas ouvi dizer “que o tiro foi um arraso”! Que “sambaram na cara das inimigas e desfilaram com as amigas”!

A “malandra estava louca e brincando com o bumbum. An an, tutudum, an an”! “Descia e quicava até o chão, rebolando gostoso”!

Era um tal de “ela joga a bunda, ela joga a bunda”, e de quadradinho para lá e para cá. Eu só sei que a Queen Vitrar mandou sarrar e dançar.

O traje escolhido era o “shortinho bem coladinho, safado e bem descaradinho.” E, assim, a “polpa da bunda” ficava à mostra e todos olhando. “Elas querem provar que o bumbum não ficou em casa”.

As mulheres “hipnotizaram Leo Santana e Xandy com seus rebolados. Era um tal de “Bumbum sobe, bumbum desce e de bumbum carente”.

O carnaval não é “baile só para inocentes”, muito menos para as santinhas. Os rapazes só “reparando as novinhas descerem”. E querendo mandar veneno para enlouquecer as novinhas”.

Não importava a bebida: “whisky com tequila e chandon”, o que importava mesmo era estar “sarrando e mexendo até o chão. Sarrando ham ham ham ham”!

Este foi mesmo o carnaval do bumbum! Melhor eu ir malhar para mantê-lo durinho!

Bjs

Nanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: