Profissão: motorista dos filhos

4 set

Depois que os filhos crescem, muitos trabalhos deixam de existir mas, outros vão surgindo. A lista de compromissos e eventos sociais cresce progressivamente e nós, mães de adolescentes, nos tornamos motoristas profissionais.

Eles começam a crescer e, ao mesmo tempo, a nossa paz desaparece. Espero que seja temporária esse momento de desassossego. Levar e buscar na escola é o mínimo a fazer por eles. Essas são atividades fixas e, conseguimos ajustar as nossas agendas para que elas se encaixem perfeitamente. O problema está nas atividades extras: ensaios, grupos de estudo, passeios, encontro com amigos, cinema com o namorado, etc.

Se conseguirmos cumprir a função de motorista para atender a todas as atividades sugeridas nos tornamos verdadeiras escravas dos horários desses jovens. É importante limitarmos o número de eventos e mostrar a eles as nossas necessidades para que compreendam que não somos seus empregados.

A função de levá-las e buscá-las me dá muito prazer. Gosto de acompanhar o ritmo das meninas e de me enturmar com os amigos, saber de tudo o que acontece com eles. Gosto de ser a mãe boazinha, amiga dos amigos, participativas e nada careta. Levo e pego, dou carona e nem reclamo. Mas, se começam a abusar, puxo o freio de mão e digo não.

Bjs

Nanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: