Tag Archives: Brasil

Dia da bandeira

19 nov

Desde a proclamação da república a nossa bandeira em vigor é a mesma. Com inclusões de algumas estrelas para representar o número de estados criados.

O significado das cores verde, amarelo, azul e branco representa as matas, a riqueza, o céu e rios e a paz do nosso país.

Temos algumas regras para não apresentar a bandeira:

em mau estado de conservação,

Com mudança de forma, cores, proporções ou layout,

Usá-la como outra destinação que não seja a de bandeira,

Ou reproduzi-la em produtos para venda.

E vamos respeitar a nossa bandeira!

Bjs

Nanda

República

15 nov

Fico me perguntando algo que nunca teremos resposta: se a república não tivesse sido promulgada naquele momento, como estaria o nosso país hoje?

Pelo que lemos nos livros e ouvimos relatos de historiadores, Dom Pedro II era um visionário e excelente gestor. Muitas das grandes obras executadas atualmente como, por exemplo, a transposição do rio São Francisco e a ferrovia Norte-Sul já haviam sido pensados desde aquela época e em traçados muito próximos aos atuais.

A mudança de capital para uma localização mais central também já estava pensada, portanto o Rio de Janeiro não se perpetuaria como capital do país.

Enfim, são conjecturas que não descobriremos jamais como seria a realidade. De qualquer forma, viva a República!

Bjs

Nanda

Folclore Brasileiro

22 ago

No dia 22 de agosto costumamos comemorar o dia do folclore brasileiro. Mas, o que vem a ser exatamente o folclore? São histórias, lendas, contos ou mitos sobre seres “fantásticos” que vivem na imaginação dos povos das diversas regiões do nosso país. Não só isso, é verdade, mas um conjunto de costumes, danças, brincadeiras e comidas típicas que compõem todo o nosso folclore nacional.

Quem nunca ouviu falar do saci-pererê e suas molecagens? E da cuca que metia medo em muita criancinha? Do lobisomem, do curupira, da mula sem cabeça, da Iara e até do boto que se transforma em homem para engravidar mulheres?

Monteiro Lobato foi um especialista em nós mostrar essas histórias com o seu maravilhoso Sítio do Picapau Amarelo. Inesquecível para mim!

E que hoje essas histórias sejam lembradas e divulgadas para que consigamos perpetuar o nosso folclore!

Bjs

Nanda

Dia da bandeira

19 nov
De acordo com o Wikipédia a bandeira do Brasil é composta por uma base verde em forma de retângulo sobreposta por um losango amarelo e um círculo azul, no meio do qual está atravessada uma faixa branca com o tema nacional, em letras maiúsculas verdes.
O verde representava a casa de Bragança de D. Pedro I, o primeiro Imperador do Brasil, o amarelo ouro representava a casa de Habsburgo, da Imperatriz Leopoldina. O círculo azul com 27 estrelas brancas de cinco pontas substituiu o brasão de armas do Império. As estrelas, cuja posição na bandeira refletem o céu visto no Rio de Janeiro em 15 de novembro de 1889, representam os estados além do Distrito Fdderal. 
O conceito foi criado por Raimundo Teixeira Mendes, com a colaboração de Miguel Lemos, Manuel Pereira Reis e Décio Villares. 
O lema “Ordem e Progresso” é inspirado pelo lema do positivismo de Auguste Comte: O Amor por princípio e a Ordem por base; o Progresso por fim, versão traduzida do francês.
Enfim… Um pouco de curiosidade para descobrirmos um pouco mais sobre a nossa história!
Bjs
Nanda

Independência do Brasil

7 set

“Ouviram do Ipiranga, às margens plácidas…” um grito de guerra: “Independência ou morte!”, naquele sete de setembro…

E no que deu? Como estamos hoje? Que Brasil é esse? Mudou alguma coisa ou somente a presença da família real?

Vivemos em um Brasil livre e, ao mesmo tempo, preso em uma teia de corrupção. Estamos presos em uma economia frágil e que pode desmoronar na primeira tempestade.

De qualquer forma, vivemos bem melhor do que estaríamos se ainda fôssemos colônia de Portugal.

Viva o Brasil!

Bjs

Nanda

Dia do folclore nacional

22 ago

Quem de nós não lembra das histórias contadas pelos nossos pais sobre os personagens do nosso folclore nacional?

Me divertia lendo as lendas sobre o boitatá, a mula sem cabeça, o curupira, a Iara, o caipora e o Saci-Pererê.

A maioria das histórias eram criadas no intuito de assustar as crianças e fazê-las obedientes aos pais.

Nos dias atuais, vejo muito pouco interesse das crianças por essas lendas tão antigas. Elas estão muito mais conectadas ao mundo real e suas tecnologias. Não se assustam mais com bobagens e, nem de longe, tem medo da Cuca.

Sou da teoria que devemos preservar a nossa história e, também, o nosso Folclore Nacional!

Bjs

Nanda

Tchau, Hexa!

9 jul

Lá se foi o sonho… Lá se foi a esperança…

Eram tantas expectativas… Nada restou…

A camisa amarela era considerada favorita. A torcida era a mais animada e em maior número. O hino cantado à capela nos emocionou e a vontade de ganhar não se perdeu.

Todas as condições eram favoráveis, a confiança estava estabelecida mas, o destino quis nos pregar uma peça. Tudo seria muito diferente.

O primeiro gol foi aos treze minutos. E, para piorar o nosso sofrimento, foi um gol contra. Em seguida, aos trinta e um minutos, um novo gol dá um banho de água fria na nossa seleção.

Admirei a insistência e vi jogadores que não se davam por vencidos. Lutaram até o fim, quase empataram por diversas vezes mas, o resultado já tinha sido determinado

Só nos resta agradecer e prometer que em 2022 buscaremos o tão sonhado Hexa!

Bjs

Nanda

Copa do Mundo

18 jun

A cada quatro anos, o sentimento de amor pelo nosso país aflora. Verde e amarelo passam a ser as cores mais usadas pelas ruas. Até os nossos corações se vestem com as cores da bandeira do nosso Brasil.

A Copa do Mundo acabou de começar. Passamos a viver em um calendário especial, em função dos horários dos jogos e com a tabela na mão, controlando os nossos adversários. Qualquer jogo é motivo de feriado ou de se faltar o trabalho.

Quem lembra da crise que tomou conta do nosso Brasil? E dos políticos corruptos? E dos Governantes sem ética? E da alta inesperada do dólar? Ninguemmmmmmmmmmm!!!!!!

Parece que acontece uma amnésia coletiva e só o que importa é o placar. Se o Neymar fizer a sua parte todo mundo fica feliz. Até o mês de julho estamos em festa e torcendo pela nossa seleção.

Bjs

Nanda

Independência do Brasil

7 set

Mais um ano para comemorarmos a soberania do nosso país. E dessa vez, gostaria de falar um pouco sobre o Hino Nacional.

Será que algum de vocês sabe a letra completa? Ou só cantam se ele estiver sendo tocado ao mesmo tempo? A letra é grande, com palavras difíceis mas, a beleza do texto é inenarrável.

“Ouviram do Ipiranga as margens plácidas

De um povo heroico o brado retumbante

E o sol da Liberdade, em raios fúlgidos

Brilhou no céu da Pátria nesse instante

Se o penhor dessa igualdade

Conseguimos conquistar com braço forte

Em teu seio, ó Liberdade

Desafia o nosso peito a própria morte!

Ó Pátria amada

Idolatrada

Salve! Salve!

Brasil, um sonho intenso, um raio vívido

De amor e de esperança à terra desce

Se em teu formoso céu, risonho e límpido

A imagem do Cruzeiro resplandece

Gigante pela própria natureza

És belo, és forte, impávido colosso

E o teu futuro espelha essa grandeza

Terra adorada

Entre outras mil

És tu, Brasil

Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil

Pátria amada
Brasil!

Deitado eternamente em berço esplêndido

Ao som do mar e à luz do céu profundo

Fulguras, ó Brasil, florão da América

Iluminado ao sol do Novo Mundo!

Do que a terra mais garrida

Teus risonhos, lindos campos têm mais flores

“Nossos bosques têm mais vida”

“Nossa vida” no teu seio “mais amores”

Ó Pátria amada

Idolatrada

Salve! Salve!

Brasil, de amor eterno seja símbolo

O lábaro que ostentas estrelado

E diga o verde-louro desta flâmula

– Paz no futuro e glória no passado

Mas, se ergues da justiça a clava forte

Verás que um filho teu não foge à luta

Nem teme, quem te adora, a própria morte

Terra adorada

Entre outras mil

És tu, Brasil
 

Ó Pátria amada!

Dos filhos deste solo és mãe gentil

Pátria amada
Brasil!”

Viva a independência do Brasil!

Bjs

Nanda

Leis trabalhistas 

9 maio

Li esse texto na internet e quis publicá-lo.

“Todas as vezes que eu escrevo sobre a CLT e o quanto as leis trabalhistas do Brasil prejudicam o empregado, um gênio aparece e faz o seguinte comentário:
“Um empresário só poderia ter esta opinião sobre a CLT…”

Como não desisto, lá vou eu mais uma vez.

Eu tenho quase 300 funcionários sem CLT. Isso mesmo, sem registro em carteira, sem férias de 30 dias, sem FGTS, sem 13º salário, sem nenhuma dessas tranqueiras que a lei obriga e as pessoas acham que é muito bom para elas. Foram adestradas assim.

Mas Flávio, isso não é contra a lei?

Não. Esses funcionários a que me refiro trabalham em minha empresa nos EUA. Lá, não existe o atraso da CLT. Não é por acaso que eles ganham bem mais do que você e ainda gastam bem menos…

Quem mais perde com a CLT é o empregado. Te explico o porquê. O empresário, quando pensa no que vai gastar com folha de pagamento, ela já inclui o custo total que vai ter com cada empregado. Ele não pensa no salário. Você pensa no salário. O empresário não. Ele pensa no custo total que terá com você, incluído todas essas quinquilharias da CLT que mencionei acima. No final do mês, o governo fica com uma parte bem grande que são os descontos que você paga, somados aos encargos que a empresa recolheu-se engrossam o caldo. Já o funcionário fica apenas com um pedacinho.

E pra piorar, todos os descontos que o governo faz, você recebe algo de qualidade em troca? Claro que não. A previdência é falida, o SUS é terrível. Quem pode, primeira coisa que faz é comprar um plano de saúde privado. A escola pública é medonha. Quem pode, coloca os filhos em escolas privadas. Você paga por segurança pública, mas precisa fazer seguros, colocar grades nas portas e pra quem pode, contratar segurança particular, como é feito em seu condomínio, por exemplo. Seu FGTS é confiscado e você não tem acesso a ele quando quiser. O dinheiro é seu mas não é seu, entende? Enquanto o FGTS fica nas mãos do governo, ele rende menos que a inflação. 

Legal, né?

Me diz quais são as vantagens desses supostos direitos?

Pra piorar, esses encargos encarecem todos os produtos que consumimos. Ou seja, além do empregado ficar apenas com um pedaço do que o empresário gasta com sua folha de pagamento, na hora de comprar os produtos, ainda paga mais caro. E se decidir financiar, vai pagar os maiores juros do mundo. Que espetáculo!

CLT é uma bicheira. É um atraso, é subterfúgio pra sindicatos mamarem nas tetas do trabalhador que é obrigado a pagar imposto sindical, mesmo sem usar nada do sindicato. Pra eles a CLT é a galinha dos ovos de ouro.

Acha que acabou? Nada. Tem mais…
O Brasil não é apenas o país com o maior número de ações trabalhistas. Presta atenção neste número absurdo:
95% das ações trabalhistas que acontecem todos os anos no mundo, acontecem no BRASIL SIL SIL SIL!

Isso mesmo. No Brasil, os Tribunais recebem mais de 8200 ações trabalhistas por dia. No Japão, são apenas 2500 novas ações trabalhistas por ANO. A população do Brasil é de 208 milhões e do Japão, 127 milhões de habitantes. O Brasil tem mais de 3 milhões de ações trabalhistas por ano. Os EUA, que tem mais população, somente 75 mil novas ações trabalhistas no mesmo período.

Consequência?

Muitas pequenas empresas quebram por ficarem reféns de advogados de porta de sindicatos que só colocam pilha pra aumentarem os conflitos. Com isso, os gastos com empregados sobe nas empresas e, obviamente, o empresário precisa incluir esses novos gastos no seu orçamento do próximo ano, provisionado futuras ações que deixam de ser exceções e passam ser a regra. No final do dia, isso contribui para que o salário no Brasil fique ainda menor.

Toda essa cultura influencia no chamado CUSTO-BRASIL que, aumenta o desafio das empresas vingarem no país, reduz os salários e por fim, aumenta o desemprego.
O Brasil é o país onde mais as pessoas amam um emprego e odeiam quem gera o emprego. Culpa de quem? Da lei trabalhista (CLT) no Brasil, aliado à atuação contenciosa dos sindicatos e, é claro, do oportunismo do empregado que, contagiado com esta visão medíocre, alimenta este sistema. Isso, sem contar com a mesquinharia de muitos empresários que resolvem fazer justiça com as próprias mãos e acabam ainda mais expostos.

Pra você ter ideia, existem escritórios de advocacia (não vou citar o nome), ligados a sindicatos que são contratados para mais de 2000 ações trabalhistas por MÊS. Uma máquina de fazer dinheiro, sugando do setor produtivo recursos que poderiam remunerar melhor ou gerar investimentos que criariam mais empregos.

Acabou? Não, amigo. Estamos só começando. Quando a burrice é grande, ela é completa. Nada pela metade.
Os tribunais do Trabalho custam uma verdadeira FORTUNA. Prédios e mais prédios cheios de gente pagas a preço de ouro. Burocratas que fazem a roda da justiça do trabalho girar. Experimente entrar com um processo. Levará quase uma década para ter uma sentença final.
Pra sustentar tudo isso, vários bilhões de reais são gastos todos os anos. Custa mais caro do que as indenizações que neste sistema tramitam, pagas aos reclamantes.

Quem paga essa conta?

Sim, você… Afinal, toda essa máquina é pra proteger você mesmo. Por isso, isso justifica os altos descontos feitos em seu salário todos os meses. Justo, né? Você é o protegido. Você quem paga 🙂

Tudo isso, pra que?

Para garantir os seus “direitos”. Chega a ser cômico isso. Desculpe o meu sarcasmo, mas é muita burrice. Nada disso faz sentido, a não ser para os que mamam nessa teta.

Vamos agora voltar aos meus quase 300 funcionários nos EUA.

Eles não tem nem perto desses descontos que você tem com a CLT no Brasil. Eles não recebem FGTS, 13º e nenhuma dessas tranqueiras, lembra? Eles recebem o dinheiro na mão. Ganham bem mais do que você. Na hora de consumir, pagam produtos mais baratos, porque têm menos impostos e custos trabalhistas dos funcionários que os produziram e, se precisarem fazer um financiamento, vão pagar um juros acumulado no ano inteiro menor do que aquele que aquele jurinho camarada que você paga no mês.
Se a empresa os lesa, vão até a corte e entram com um processo. A lei nos EUA é a mesma para todos. Não existe uma consolidação de leis do trabalho. O problema é resolvido em meses.

Nos EUA tem sindicatos?

Claro que tem. E são atuantes. Se não forem produtivos, não recebem. Simples. Enquanto no Brasil sindicato virou um bom negócio, lá sindicato cumpre o seu papel social, importante, diga-se de passagem.
Nos EUA, existem mais de 130 sindicatos em funcionamento. Bastante para um país com mais de 300 milhões de habitantes e um mercado de trabalho muito maior que o Brasil.

No Brasil, abrem 250 novos sindicatos TODOS OS ANOS. No total, são mais de 16 mil sindicatos nessa Terra que tudo dá. Os sindicatos que o diga. Pra eles, tudo dá como uma beleza.

Por que tanto sindicato? Simples. Virou negócio e com faturamento garantido pelo imposto sindical. Moleza, né?

Quem paga a conta? Você, uai!
Claro que é você. Afinal, você é o protegido. Então, você tem que pagar a conta.

Nos EUA, os sindicatos são uma instituição com fim social importante. No Brasil, uma fonte de receita.

Tudo isso que escrevi acima está diretamente relacionado à existência da CLT. Um conjunto de leis da idade da pedra, com impressões digitais facistas e que prejudica cada empregado no Brasil e ainda, fazendo pose de que defende os seus direitos… Há quem defenda a CLT como se fosse a sua Bíblia. Tenho pena, porque, elas não sabem o que fazem…

Então, eu falo tudo isso porque sou empresário?

Não, amigo. Com todo respeito, eu falo tudo isso porque eu penso. Deve ser por isso que eu me livrei deste sistema burro e trabalho bastante para que meus filhos nunca tenham uma carteira assinada nada vida.” (Flávio Augusto da Silva)

Bjs

Nanda

%d blogueiros gostam disto: