Linguagem chula

24 maio

Nunca gostei de falar palavrão. Quando eu era criança, e até mesmo adolescente, não tinha o costume de usar a linguagem chula. Não era acostumada a ouvir esse linguajar em casa e, portanto, não repetia.

Cresci e me tornei adulta com os mesmos costumes, ou melhor, a falta desse costume que, considero bem vulgar. Não precisamos mudar as palavras para que as pessoas compreendam o que queremos dizer.

Quando elogiamos bastamos dizer que aquilo é ótimo, maravilhoso, inesquecível ou coisas parecidas. Os termos muito usados pelas pessoas “de f…” ou “do c…”não me representam.

Quando criticamos bastamos dizer que a coisa está feia, horrorosa, medonha, etc. não precisamos usar de palavras chulas tais como: “c…” ou “b…”.

E mais, quando nos chateamos com alguém, prefiro me utilizar do silêncio ou do diálogo. Nada de mandar alguém “tomar no c…” ou para a “p… que pariu”.

E, principalmente, nunca penso em classificar alguém com adjetivos pertencentes ao reino animal: “vi…”, “va…” ou “g…”!

Nada melhor que mantermos a classe e utilizarmos as palavras tais como elas são!

Bjs

Nanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: