Contra o mosquito

23 fev

  
Quero contar para vocês o que aconteceu comigo e espero que sirva de lição para que possamos combater o mosquito Aedes Aegypti. Afinal de contas, vivemos uma epidemia de dengue e zika.

Depois de trinta dias fora de casa, mesmo tendo deixado os vasos sanitários tampados, encontrei todos eles repletos de larvas do mosquito Aedes Aegypti nadando e se multiplicando. Fiquei horrorizada e não sabia o que fazer. Não tinha ideia de que seria possível que isso acontecesse.

Não nego que fiquei bastante assustada pois, da mesma forma que aconteceu comigo deve estar acontecendo com muita gente. Solicitei que a administração do meu condomínio enviasse uma correspondência para todos os apartamentos para comunicar o acontecido e solicitar que todos façam a verificação constante das suas unidades.

Temos que lutar contra esse mosquito com todas as nossas forças. Um ser tão pequenino não pode nos vencer nem causar tantos malefícios como, por exemplo: a grande quantidade de crianças nascendo com microcefalia.

Não deixo mais a água no vaso sem um pouco de desinfetante para evitar que as larvas sobrevivam.

Bjs

Nanda 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: