E o nosso português?

4 dez
“Português bem dizido, não se correje!”
A moda agora é dizerem por aí que não existe mais o português certo ou errado. Que o que realmente importa é a comunicação. E eu fico aqui me perguntando de onde os educadores tiraram essa ideia.
Só posso acreditar que uma ideia de jerico dessas tenha vindo de alguém que não saiba falar corretamente a nossa língua. Na minha concepção, não existe a mínima possibilidade do estudo da língua portuguesa perder a sua importância. A forma correta da linguagem deve ser preservada e estimulada.
Acho triste quando encontro pessoas formadas e estudadas que escrevem errado e desconhecem as normas gramaticais. Já me deparei com cada erro absurdo que tive vontade de fugir correndo.
É claro que a comunicação é atingida mas, junto com ela, a mensagem de burrice e ignorância da língua, assim como, um despreparo para a vida profissional, também.
Por isso, fiquei tão triste quando vi que a prova do Enem não continha nenhum assunto referente à gramática portuguesa.
Bjs
Nanda

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: